Entrar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *

Esporte

A dois dias de viajar para os EUA, Aldo ainda renova visto com "urgência" no Rio

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A dois dias de embarcar para Detroit, nos Estados Unidos, onde luta no dia 2 de dezembro na revanche pelo título dos penas com Max Holloway, no UFC 218, José Aldo ainda resolve questões burocráticas nesta sexta-feira. Pela manhã, o lutador esteve no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) do Consulado dos EUA, no bairro do Humaitá, no Rio de Janeiro. Ele chegou acompanhado de um cinegrafista que gravava o programa “Embedded”, do UFC.

Aldo, que foi ao local renovar seu visto, frisou com a atendente que tirava fotos e colhia digitais que tinha urgência no processo do visto.

- Estou com certa urgência, já viajo no domingo.

O lutador da Nova União, como entrou com um processo de renovação do visto, fica isento da entrevista no Consulado dos Estados Unidos. Em contato com a reportagem do Combate.com, seu empresário e treinador Dedé Pederneiras foi breve sobre o assunto quando questionado se havia algum risco de José Aldo ficar fora da luta.

- Nenhum - limitou-se a dizer.

Aldo lutaria, na verdade, no dia 16 de dezembro, em Winnipeg , no Canadá, contra Ricardo Lamas. Com a lesão de Frankie Edgar, que enfrentaria Holloway na primeira defesa de cinturão do havaiano, o brasileiro ganhou a oportunidade da revanche na luta pelo título. Porém, perdeu tempo de preparação e para resolver pendências burocráticas.

Curta nossa página no Facebook

Designed by ABCMIX Joomla Site Designer - 2015