Adjuto Afonso questiona Sabá Reis por não mostrar falhas do governo Melo e de outros

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

adjuto afonsoEm resposta às críticas da oposição à gestão atual do Executivo, o deputado Adjuto Afonso (PDT) sugeriu na manhã desta quinta-feira, 30, na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), que os deputados falassem também do que não foi feito em governos anteriores, que resultaram na atual situação do Estado, e que contavam com o apoio dos deputados que atualmente são oposição, segundo o parlamentar.

"O deputado Sabá Reis (PR) sempre se inscreve no Pequeno Expediente, fala mal do governo e vai embora, não fica para que os outros deputados possam se contrapor. Não é só vir aqui questionar um governo que tem apenas 10 meses e que está trabalhando, tanto na capital quanto no interior. Que sirva de reflexão para o deputado Sabá, que não é só reclamar, fale também daquilo que não foi feito nos governos anteriores", disse Adjuto Afonso.

O parlamentar destacou que em visita recente ao município de Autazes (a 114 km), - onde o deputado Sabá Reis disputou as últimas eleições municipais e perdeu -, se deparou com as obras inacabadas de um Escola de Tempo Integral, ainda da gestão do governador Melo, que teve o mandato cassado por denúncia de desvio de verba pública.

"Me chamou atenção em Autazes, e que o deputado Sabá Reis nunca questionou, uma Escola de Tempo Integral que começou a ser construída há cinco anos, no governo Melo, governo que ele defendeu e foi líder, e essa escola tá parada. O atual governador, há meses atrás, quando foi dar ordem de serviço, mandou que fosse dado continuidade na obra. Por que o Sabá não defendeu essa Escola quando foi líder do Melo, líder do David?", questionou Adjuto Afonso.

Ainda sobre Autazes, o deputado Adjuto falou sobre as obras do sistema viário, que estão acontecendo no município. "O governo que ele (Sabá Reis) aqui defendeu, tinha uma empresa que ia fazer o asfalto, que é a mesma que tá fazendo agora, só que iria fazer apenas um recapeamento. Hoje, a empresa está fazendo muito mais no sistema viário do que seria feito. O governo atual quando assumiu até suspendeu porque viu que aquilo não ia atender as necessidades do município. O deputado Sabá é inconformado e revoltado com as obras que estão sendo feitas no município dele, explicou o parlamentar.

Adjuto Afonso também respondeu sobre os salários atrasados dos terceirizados da área da saúde, que foi matéria nos jornais locais e abordada pelo deputado Sabá. "Uma pessoa que foi entrevistada disse que todos os meses o governo repassa o dinheiro, é uma prova de que quem não paga é o terceirizado, e isso não é culpa do governo", disse.

Curta nossa página no Facebook

Designed by ABCMIX Joomla Site Designer - 2015