Boca do Acre

Atualidades

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

O Navio Hospital da Marinha do Brasil, Osvaldo Cruz, cumpriu mais uma vez sua missão de ASHOP (Assistência Hospitalar). Há aproximadamente 40 dias, a embarcação que tem como missão levar saúde às comunidades carentes, adentrou ao rio Purus e foi até as proximidades do município de Manuel Urbano, no estado do Acre. No trajeto, um dos pontos de parada é o município de Boca do Acre, local estratégico, por conta da Agência Fluvial que existe no município.

Depois de completarem o planejamento, o Osvaldo Cruz está retornando à capital amazonense. Antes, em mais uma parada em Boca do Acre, o Capitão de Corveta e Comandante da missão, Flammarion, doou uma quantidade significativa de medicamentos à Secretaria Municipal de Saúde. O prefeito em exercício, Raimundo Nascimento, juntamente com o Secretário de Saúde, Geraldo Carvalho, foram ao encontro dos militares para receberem a doação e agradecerem o ato.

Segundo Nascimento, a doação é muito bem vinda, uma vez que a prefeitura está passando por dificuldades financeiras. O prefeito agradeceu ao Comandante e cumprimentou-o pelo trabalho honrado que é prestado às comunidades do rio Purus, principalmente no território bocacrense.

O Secretário de Saúde informou que os medicamentos recebidos serão destinados aos Postos de Saúde e alguns, com características de atendimento de urgência e emergência, serão enviados ao hospital local.

O Comandante do navio, Flammarion, agradeceu a receptividade dos moradores de Boca do Acre e a disponibilidade do poder público em auxiliar nas necessidades da Marinha. Flammarion está contente com o resultado da missão: “Fizemos aproximadamente 7 mil atendimentos, entre clínicos e odontológicos, foram mais de 70 comunidades beneficiadas com esse trabalho”, informou.

“Não conseguimos completar o trajeto requerido, pois, nas proximidades do município Acreano de Manuel Urbano encontramos dificuldades para continuar navegando, uma vez que, o navio encalhou em um determinado ponto, preferi não arriscar e estamos retornando”, disse o Comandante.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

A Travessa Curió é localizada no bairro Praia do Gado. O logradouro em questão está sendo motivo de uma polêmica, uma vez que os residentes do lugar reclamam acintosamente de um fato ocorrido e, de acordo com eles, foi algo desnecessário, pois não surtiu efeito algum.

Trata-se de uma valeta que foi aberta de um lado a outro, no início da rua. Indignado, um morador falou: “Nossa rua nunca tinha sido asfaltada e quando foi, vem alguém e abre um buraco nela, não dá pra entender”.

“Não sei pra quê fizeram isso, pois eles tiram água de um quintal e jogaram no outro, não vi resultado nenhum, ao contrário, o asfalto que estava novinho foi destruído”, reclamou um morador da rua.

A situação geográfica onde está situada a Travessa Curió exige que tenha um trabalho de saneamento bem complexo. Trata-se de uma área que não permite o escoamento da água que provém das precipitações (chuvas), o resultado é que a maioria absoluta dos quintais fica completamente alagada durante a maior parte do ano, tornando a qualidade de vida muito comprometida, uma vez que, a proliferação de doenças como a hepatite e outras é um risco iminente.

Segundo o Secretário de Administração, Adriano Munhoz, as providências já estão sendo tomadas. Munhoz disse que a prefeitura já está adquirindo os bueiros e em breve a vala que foi aberta na Travessa Curió será fechada.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

A Guarda Municipal é o foco das reclamações. De conformidade com informações fidedignas, a categoria teve um decréscimo salarial significativamente brusco, sem que houvesse uma explicação. Informes dão conta de que na gestão anterior, o menor salário de um guarda municipal era da ordem de R$ 490,00 e, em alguns momentos saltava a R$ 590,00, muito diferente da atualidade, uma vez que a gestão executiva deixou os vencimentos em R$ 380,00 reais (líquido).

As reclamações vão além da remuneração. Fontes seguras relatam que o trabalho da guarda municipal dobrou, antes havia um revezamento e os guardas trabalhavam apenas um turno, atualmente eles estavam operando em dois turnos, até o momento de uma reunião interna onde foi decidido a favor do retorno da carga horária anterior. Outra reunião aconteceu com os vereadores Marineide, Chiquinho do Sindicato e Jardemir, ficando acertado que os parlamentares iriam lutar pela melhoria salarial da categoria.

Essa mesma realidade que está sofrendo a Guarda Municipal também se aplica a outros servidores, como é o caso de profissionais da educação, que não tiveram seus vencimentos elevados, especificamente aos que já possuem curso superior e ainda estão sendo pagos como secundaristas (ensino médio).

Palavra do executivo

O Portal do Purus ouviu a administração acerca dos reclames. O Secretário de Finanças de Boca do Acre concorda que o salário da Guarda Municipal está defasado, no entanto, ele explica que a queda no salário não se trata de mera redução por parte da administração atual. Adriano Munhoz informou que o salário desses profissionais nunca foi elevado, o que acontecia era simplesmente uma maquiagem por parte da gestão anterior, ou seja, os guardas eram abonados com horas extras todos os meses, sendo que o cumprimento dessas horas não acontecia.

Munhoz disse que haverá uma reforma administrativa no executivo. “Todos os salários que estão defasados serão corrigidos com essa reforma”. Ele complementou que um Projeto de Lei contendo a elevação do salário da Guarda Municipal será encaminhado à Câmara Municipal para apreciação e aprovação dos parlamentares.

Com referência aos professores, Adriano afirmou que é conhecedor que muitos que já possuem curso superior ainda estão percebendo seus vencimentos como secundaristas. O Secretário de Finanças afirmou com propriedade que o salário dos educadores será corrigido e os mesmo passarão a receber de acordo com a titulação.

Designed by ABCMIX Joomla Site Designer - 2015