Purus

Purus

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

JorgeDurou mais quatro horas a reunião da executiva regional do Partidos dos Trabalhadores (PT), para confirmar a indicação do senador Tião Viana a disputa do governo e do ex-governador Jorge Viana para concorrer ao senado.

Do encontro, coordenador pelo presidente da sigla no Acre, Leonardo Brito participaram o deputado federal Fernando Melo, o deputado estadual Ney Amorim, e representantes do partido de todas as regiões do estado. O senador Tião Viana que está em férias justificou a ausência. Jorge Viana também. O governador Binho Marques, que não pretende disputar nada, não foi convidado para a conversa.

A demora na conversa não se deu por conta da ratificação da dupla Viana, mas pelo o segundo nome para disputar uma vaga ao senado. Do lado de fora da sala, foi possível ouvir declarações de apoio e recusa ao nome do deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), suposto preferido do partido para concorrer ao lado de Jorge Viana à segunda vaga do senado em substituição a senadora Marina Silva, que deixou o partido para concorrer a presidência da república pelo PV.

Como todo debate, houve momentos de discórdia e ânimos exaltados, mas nada que fugisse ao controle do sereno Leonardo. No final, nenhuma novidade. O partido apenas confirmou o que já era sabido, mas deixou escapar um certo de "ambição", em torno da segunda vaga para o senado.

"O PT vai participar da discussão em torno do segundo nome. Nesse momento nós vamos comunicar aos partidos da Frente Popular a nossa decisão, que foi a de indicar Tião para o governo e Jorge para o senado. O segundo nome vai ser discutido entre os demais partidos, mas com a participação do PT", disse Brito, deixando claro que o partido não está disposto a "abençoar" qual nome indicado.

E essa briga vai longe. Na reunião, o deputado federal Fernando Melo entregou á executiva, uma carta onde reivindica o direito de ser indicado para a segunda vaga, e depois que o encontro terminou, ele foi taxativo, afirmando para Brito o seguinte:

"Eu vou sair da discussão interna e buscar os outros partidos da Frente. Vou em busca de apoio", disse Melo, que em seguida revelou: "Já fui preterido dentro do PT. Reconheço que não sou o preferido do partido, mas vou lutar pelo meu direito", concluiu.

Leonardo Brito enfatizou que a discussão em torno do segundo nome começa entre os   partidos que integram a FPA, mas o PT, nem de longe, vai ficar de fora.


O PT no Acre

Hoje o Partido dos Trabalhadores conta com o maior numero de políticos com mandato. Em seus quadros estão um governador, dois deputados federais, um senador, quarto deputados estaduais e onze prefeitos. 


Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

O corpo foi localizado por volta de 1h da tarde desta terça-feira por um vizinho que viu os urubus em banquete e resolveu observar que tipo de alimentação estava atraindo as aves de rapina.

Dadinha teria saído de casa após um desentendimento com sua mãe

O corpo do diarista conhecido apenas por Dadinha, 28 anos, foi encontrado na tarde desta terça-feira 12 pendurado em uma árvore de um campo de gado na estrada de acesso ao Igarapé Canela Fina, em Cruzeiro do Sul. A família procurava há três dias pelo rapaz, que saiu de casa na manhã de sábado 9.

De acordo com informações de pessoas que moram perto do local, Dadinha teria saído de casa após desentender-se com a mãe. No momento do desentendimento, um irmão ainda foi à procura dele, mas a poucos metros de casa ele desapareceu e não deu mais notícias.

O corpo foi localizado por volta de 13 horas por um vizinho que viu os urubus em bando no local do suicídio. Ele resolveu observar que tipo de alimentação atraía as aves . Ao chegar ao local, a menos de 200 metros da casa do diarista, o homem avistou o corpo pendurado por uma corda no galho da árvore.

Os vizinhos acionaram a polícia e avisaram imediatamente os familiares. A mãe do suicida, identificada por Luiza, moradora antiga do bairro Boca da Alemanha, ficou em estado de choque.


enforcado

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

basaA remuneração inicial é de R$1.789,27, para técnico bancário, e de R$2.200,54, para
técnico científico 

Últimos dias de inscrição para o concurso do Banco da Amazônia (Basa): o prazo termina
neste domingo, dia 17, e de acordo com o Cespe/UnB, organizador, não há informações sobre
prorrogação. Os cargos são técnico bancário, de nível médio, e várias especialidades de
técnico científico, que exige curso superior.

A gerente executiva de Estratégia e Organização, Fernanda Gene, informou que a seleção é
para suprir eventuais necessidades do banco. "Nós temos que manter nosso cadastro para, em
uma eventual necessidade, termos funcionários para contratar. O último concurso que fizemos
expirou no ano passado, e precisamos de reserva", explicou.

A remuneração inicial é de R$1.789,27, para técnico bancário, e de R$2.200,54, para técnico
científico, incluídos o auxíilo-alimentação de R$660,59 e a gratificação especial mensal.
Poderão ser oferecidos ainda programa de assistência médica, auxílio-creche, participação nos
lucros e plano de previdência complementar.

Existe ainda a possibilidade de o funcionário receber acréscimo na remuneração, de R$841,41,
caso exerça uma função gratificada. A jornada de trabalho é de 30 horas semanais, para todas
as funções.

As inscrições deverão ser feitas no site do  Cespe/UnB . Para aqueles que não tiverem acesso
à internet, o organizador oferece postos com computadores nos estados para onde são
destinadas as vagas.

A expectativa em relação ao número de inscritos é grande. "De acordo com alguns estudos
baseados nas últimas seleções para o banco, nossa expectativa está entre 30 mil e 50 mil
inscrições", observou Fernanda Gene.

O candidato deverá preencher o formulário e imprimir o boleto, pagável em qualquer agência
bancária, casa lotérica ou nos Correios. A taxa é de R$38 para técnico bancário e R$50 para
técnico científico, e pode ser paga até o dia 28 deste mês.

Poderão pedir isenção do pagamento da taxa os inscritos no Cadastro Único para Programas
Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e os membros de família de baixa renda.

O requerimento deverá ser preenchido, somente no site do organizador, no período de inscrições.
Quem não possui acesso à internet poderá usar os postos disponibilizados para inscrição para
o preenchimento do formulário. A relação dos pedidos deferidos será divulgada no dia 21 de
janeiro.

Os aprovados serão convocados de acordo com a necessidade do Basa e serão lotados nos
estados da Região Norte, assim como no Maranhão, no Mato Grosso e no Distrito Federal. A
validade é de um ano, podendo ser prorrogada por igual período.

Designed by ABCMIX Joomla Site Designer - 2015