Entrar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *

Pauini

Pauini

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
O próximo passo agora é a apresentação de um relatório em que será pedida a cassação do mandato da prefeita Maria Barroso.
pauini

A oposição venceu a primeira batalha na guerra contra a corrupção em Pauini. O relatório apresentado no final de maio, que contém com riqueza de detalhes fatos que apontam para a malversação do erário público, foi votado na manhã desta segunda-feira (15) e foi aprovado por 6x5. O próximo passo agora é a formação de uma comissão, que terá 30 dias para montar um compêndio que dê base para o pedido de cassação do mandato da prefeita Maria Barroso.

População critica vereadores governistas

Mesmo com o placar a favor da oposição, a população de Pauini exibiu sua indignação pela postura de cinco vereadores que mesmo com a robustez de elementos comprobatórios dos ilícitos, ainda votaram contra, dando a entender que o governo da prefeita Maria Barroso é inocente de todas as acusações. Pelas redes sociais, os pauinienses se mostraram indignados e classificaram os vereadores Juvenil, Josué Braga, Sebastião Araújo, Paulo da Gasolina e Pedro Cazuza de “inimigos da sociedade pauiniense”.

Aplausos

Por outro lado, os aplausos foram efusivos para os parlamentares José Luiz, Edmilson, Colares, Chico da Amélia, Jeová e à presidente Caçula, pois foram estes que votaram a favor, concordando com as denúncias e principalmente com as provas.

O relatório

O documento com mais de 40 páginas reuniu uma gama de provas, entre elas, notas fiscais frias, depoimentos de gestores, professores e pais de alunos que falavam, entre outras coisas, que os estudantes ficaram sem merenda escolar, na zona urbana e especialmente na zona rural.

O que mais chamou a atenção no relatório foi o fato de os secretários de Finança (Chiba) e de Educação (Lucineide Anjos) entrarem em claro e evidente conflito em seus depoimentos. Chiba afirmou que era a secretária de Educação quem tinha que dar explicações sobre os recursos. Lucineide, por sua vez, alegou que a prefeitura não entrou com a sua contrapartida na aquisição da merenda escolar, devolvendo o fardo para cima do secretário de Finanças.

Desviando ovos e biscoitos

Conforme citou o Portal do Purus em matéria anterior, um dos fatos que chamam a atenção é o desvio de 8.110 ovos de galinha, 6.720 biscoitos salgados, 1.559 biscoito doce e 228 latas de margarina dos recursos da merenda escolar, provenientes do Programa do Governo Federal, denominado PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar, causando dano ao erário no valor de R$ 30.703,62;

Siga-nos no Twitter e no Facebook

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
05 caixas de cigarro, com 50 maços e 2.500 carteiras de cigarros foram apreendidos no porto da cidade.
contrabando de cigarro em pauini
Foto: Polícia Militar

A operação Caipora, realizada pela Polícia Militar em Pauini-Am, apreendeu na manhã da última sexta (12) um carregamento de contrabando de cigarro. Segundo informações da PM, a ação rendeu a tirada de circulação de 2.500 carteiras de cigarro que seriam comercializadas à margem da lei. O sucesso da operação gerou um prejuízo acumulado de R$ 12.500,00 para os contrabandistas.

A operação tem continuidade e conforme informações do comando da PM, outros suspeitos da mesma prática estão sendo procurados.

Apreensão de arma de fogo e arma branca

O local de atuação da ‘Caipora’ é no porto da cidade, principal porta de entrada. Segundo explicou o Capitão da Polícia Militar, Carlos Malheiros, que está em Pauini chefiando a operação, o foco é o tráfico de drogas e porte de armas brancas e de fogo. Além dos maços de cigarro, a PM apreendeu uma espingarda calibre .36.

Ao perceberem a presença constante da PM no local estratégico, cidadãos mal intencionados, que portavam arma de fogo e arma branca, acabaram abandonando os objetos no local.

Colocando ordem

O Comando da 5ª Companhia de Polícia Militar está em Pauini com um destacamento policial para colocar ‘ordem na casa’. A cidade vizinha de Boca do Acre vinha passando por momentos de total subversão da ordem, com homicídios tentados e consumados, tráfico de droga e completa e total sensação de insegurança. Na semana passada o reforço policial chegou ao município sob a Chancela de Malheiros, que de imediato de início a operação significativas para que o pauiniense volte a ter o retorno de dias normais.

Participaram da operação: capitão Malheiros, sargento Edilson Sena, Cabo Rubens de Souza e soldados Góis, Manoel Lima e Márcio Rocha.

Siga-nos no Twitter e no Facebook

Designed by ABCMIX Joomla Site Designer - 2015