Cabeçalho Editorial Palavra de Fé

Palavra de fé

Palavra de Fé

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

“Em tudo seja você mesmo um exemplo para eles, fazendo boas obras. Em seu ensino, mostre integridade e seriedade”. (Tito 2.7)


“Aquele que é íntegro em sua conduta” (verso 2a) é a primeira resposta que vemos no Salmo 15 à pergunta “Senhor, quem habitará no Teu santuário? Quem poderá morar no Teu santo monte?” (verso 1). Sabemos que não somos salvos pelas obras que fazemos, mas, sim, pela graça de Cristo Jesus. Mas, uma vez que somos alcançados por Ele e passamos a ser habitação do Espírito Santo, precisamos começar uma nova caminhada.

Fato é que todo aquele que confessa Cristo como único e suficiente Senhor e Salvador de sua vida passa a ter um exemplo a seguir: a própria vida de Jesus. Todo aquele que se torna cristão ou se diz “crente de berço” precisa rever sua conduta, seu comportamento, suas atitudes, os ambientes que frequenta, o testemunho que tem dado àqueles que ainda não conhecem o Senhor. Pois a nossa caminhada precisa ser de santidade e integridade.

:: Dayane Nascimento [@dayanecristinan]

Curta nossa página no Facebook

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

“Se, porém, andarmos na luz, como Ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, Seu Filho, nos purifica de todo pecado”. (1 João 1.7).

Deus nos ama de uma maneira tão singular e grandiosa, que enviou Seu Filho à terra para morrer por nós, miseráveis pecadores. João 13.1 diz que Ele amou os Seus que estavam com Ele até o fim. O termo ‘SEUS’ significa aqueles moradores de rua que desprezamos; aquele familiar chato e enfadonho que nos pede ajuda e rejeitamos, por não suportá-lo; são aquelas pessoas que nos feriram e não perdoamos; é aquela mulher de má fama que julgamos; aquele dependente químico que maltratamos e não compreendemos a sua situação.

Enfim, os ‘SEUS’, que Jesus amou, somos nós, humanidade pecadora. Entretanto, um dos legados que Ele nos deixou foi o amor ao próximo. É fácil amar quem nos faz bem, precisamos amar a TODOS, sem exceção, e nos importar com os menos favorecidos na sociedade, pois “Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor Teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo” (Mateus 22.37-39).

:: Cássia André

Curta nossa página no Facebook

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Colossenses 3: 16-17

O maior problema que vivemos em nossa caminhada com o Senhor é a nossa luta contra a carne. Como podemos vencê-la ou neutralizá-la por completo? Como ter uma disciplina de oração, leitura da palavra, jejum, disposição para servir e encontrar prazer nas coisas de Deus? Como ser cheio do Espírito Santo?

Algumas seitas tratam o Espírito Santo como uma força, mas a palavra de Deus diz que Ele é a terceira pessoa da trindade. É importante compreender que os frutos do Espírito são resultados da conversão e que os dons do Espírito é o resultado do Batismo no Espírito Santo.

A vida cheia do Espírito Santo e cheia da palavra são coisas bem semelhantes, por isso um cristão cheio da palavra será cheio do Espírito. Mesmo depois de todo treinamento e capacitação dado por Jesus aos discípulos, a orientação era para que não se ausentassem de Jerusalém para esperar a promessa do Pai. Precisaram esperar para que o Espírito Santo viesse.

Antes de Jesus subir aos céus, Ele deixou uma promessa que viria o Espírito Santo sobre todos. Hoje a igreja é sustentada por esse mistério, perdemos muito quando não o utilizamos. Como servos de Deus, temos a necessidade dessa presença em nós. É o que nos mantém renovados e vivos espiritualmente diante de Deus e suas promessas.

A primeira vez que o Espírito Santo veio sobre o povo em cumprimento a promessa, foi depois de uma busca, pôr isso ainda nos colocamos a buscar sua presença sobre nós. A própria palavra nos desafia a sermos cheios a ponto de transbordar de sua presença. Da mesma forma que seu corpo precisa do ar para se manter vivo, a sua vida espiritual, seu espírito se mantém vivo através do Espírito Santo.

Sabe o que mais alegra o Espírito Santo? É quando a igreja glorifica a Jesus. Ele tem muito mais prazer quando nós glorificamos Jesus do que quando o glorificamos. O enchimento do Espírito Santo não é opcional, mas mandamento de Deus.

Agora se submeta a cinco passos para um cristão cheio do Espírito Santo: autoexame, confissão de todo pecado conhecido, submeter-se completamente a Deus, pedir para ser cheio do Espírito Santo e crer que está cheio do Espírito Santo. Não fique esperando sentimentos ou sinais físicos, creia na palavra!

:: Joel Pereira

Curta nossa página no Facebook

Designed by ABCMIX Joomla Site Designer - 2015