NOTÍCIAS

“Pesquisa não pode definir, senão a gente substitui o partido”, defende Cida Ramos

Felipe Nunes

Na briga para ser a escolhida pelo PT para disputar a prefeitura de João Pessoa este ano, a deputada Cida Ramos não escondeu a insatisfação com a decisão do partido em ter optado por pesquisas de opinião como critério para definição do candidato.

“Pesquisa não pode definir, senão a gente substitui o partido”, argumentou a deputada, em entrevista à Rádio CBN.

Ainda conforme Cida, a “deliberação da Executiva, no meu ponto de vista, não fortalece o partido”.

A petista defende que o nome deveria ser escolhido internamente, nas prévias, que foram suspensas pela Direção Nacional da legenda. Cida, contudo, reafirmou que seguirá com o partido – independente da decisão sobre candidatura na Capital.